Login
Perspetiva
Ruben Gomes

Por Kevin Clarke, Gestor Internacional do Produto na CDK Global | Outubro 6, 2014 -- 09:20 GMT

Subscribe to me on YouTube
Muitos dos principais representantes estão a mudar os seus DMS para alojamento externo, por isso, é uma boa altura para pensar sobre a estratégia que é melhor para si

Deve mudar o seu DMS para a nuvem?

5 perguntas a colocar sobre o alojamento do seu DMS

Muitos dos principais representantes estão a mudar os seus DMS para alojamento externo, por isso, é uma boa altura para pensar sobre a estratégia que é melhor para si

O que faz mais sentido para o sistema de gestão do seu concessionário: o seu próprio servidor ou a nuvem?

Ao longo dos últimos anos a adoção de tecnologia baseada na nuvem aumentou rapidamente. Hoje é utilizada para muitos serviços importantes, de e-mails a alojamento de Web sites e banca online - e até alimenta o seu iTunes! As pessoas perguntam como conseguiram viver sem ela…

É por isso que muitos dos principais representantes estão a mudar os seus DMS para alojamento externo, portanto, é uma boa altura para pensar na estratégia que é melhor para si.

Aqui estão algumas das principais perguntas a fazer:

1) É mais barato ter o meu próprio servidor? 

Não necessariamente. Para além dos custos do próprio servidor, certifique-se de que considera os custos ocultos, como energia, custos com pessoas e recuperação de desastres. Estes custos podem ser difíceis de avaliar e os custos com pessoas em particular podem ser importantes em qualquer organização. Para alguns, a nuvem é uma despesa mensal que pode ser mais barata e trazer vantagens adicionais

2) Tenho a minha própria equipa de TI. Será que isto significa que devo gerir o meu próprio servidor DMS?

Um concessionário pode demorar muito a lidar com as várias infraestruturas e sistemas operativos de TI - muito tempo e muitos recursos humanos. A sua equipa possui as competências e a capacidade para cobrir tudo e manter-se atualizada? Pode fazer sentido subcontratar o alojamento de aplicações onde puder, para que a sua equipa de TI possa manter-se flexível e focada noutros sistemas locais.

3) E se ocorrer um incêndio ou outro tipo de desastre?

Pela nossa experiência, a recuperação de desastres muitas vezes é uma questão-chave para os clientes que decidem alojar as respetivas aplicações externamente.  A Recuperação de Desastres faz parte integrante do alojamento na nuvem mas raramente é fornecida quando o servidor está nas instalações de um representante. Obviamente, a recuperação só se torna um custo se for preciso recuperar após algum desastre. Até que ponto gosta de arriscar?

4) Qual é a fiabilidade do meu servidor atual?

O hardware de servidor em geral é, sem dúvida, mais fiável hoje em dia. Mas o que acontece se falhar? Como vai recuperar de uma falha, e quantas vendas serão perdidas ou atrasadas enquanto faz isso? A maioria das organizações não consegue justificar manter uma cópia de servidor num local remoto para proteção contra falhas graves (para não falar dos desastres mencionados anteriormente). A nuvem resolve este problema: os seus dados são mantidos em segurança numa infraestrutura robusta e sujeitos a cópia de segurança automaticamente.

5) E se eu gostar de poder ver o meu próprio servidor?

Muito bem.  Por vezes, é mais reconfortante ver as luzes intermitentes de um servidor físico no seu concessionário.  Mas muitos representantes preferem a tranquilidade do alojamento na nuvem. A maioria dos fornecedores de nuvem também fornece ferramentas de monitorização baseada na Web, mostrando níveis de espaço em disco, CPU e memória. Também pode ser igualmente reconfortante saber que outra pessoa assumiu o trabalho de monitorização do seu sistema por si.

Aqui na CDK Global, somos os especialistas em alojamento de DMS.  Vamos ajudá-lo com mais informações, ou discutir as várias opções de alojamento consigo e com a sua equipa.

Saiba mais sobre Alojamento na Nuvem (HSP) da CDK Global para o seu DMS Contacte-nos hoje mesmo

Further Information Request

DEMO Request

Brochure Request